Frustrado com peso médio, Weidman admite subir de divisão

C. Weidman pode subir de categoria Foto: Reprodução Facebook UFC

C. Weidman pode subir de categoria Foto: Reprodução Facebook UFC

Ex-campeão peso médio do UFC, Chris Weidman se recuperou de uma sequência de três derrotas com uma vitória por finalização sobre Kelvin Gastelum no mês passado. Porém, o norte-americano está frustrado com as perspectivas de recuperar o título até 84 kg. e tem flertado com a possibilidade de subir para os meio-pesados, categoria em que Jon Jones recentemente recuperou a coroa.

Veja Também

V. Shevchenko (foto) segue na bronca com Amanda (Foto: Reprodução Facebook UFC)
Shevchenko acusa Amanda de ter mentido sobre saída do UFC 213

F. Werdum volta no UFC 216 (Foto: Reprodução Facebook UFC)
Fabricio Werdum mede forças com Derrick Lewis no UFC 216

R. Bader conquistou título em junho (Foto: Reprodução/Facebook/Bellator MMA)
Ryan Bader defende título do Bellator contra Linton Vassell

Em entrevista ao podcast Submission Radio, Weidman disse que a bagunça que se instalou na divisão dos médios tem feito com que ele repense seu futuro nela e disse já estar fazendo planos para se testar na divisão até 93 kg.

“Meu objetivo é ser o campeão e não há nenhuma rota que demore menos de dois anos para que eu recupere meu título no peso médio. Todos os lutadores estão demorando para aceitar lutas. É um lugar estranho para se estar e não é divertido ficar em modo de espera. Se as coisas não mudarem rapidamente no peso médio, eu já começo a pensar em subir definitivamente para os meio-pesados”, admitiu o “All-American”, que declarou ainda ter esperança que Georges St. Pierre não lute contra Bisping no UFC 217 e ele possa substituir o canadense.

“Quem sabe um dos dois não se machuque, ou GSP não lute. O UFC 217 será em Nova York e eu já estou aqui pronto para lutar. Novembro seria perfeito para mim e Bisping não poderia fugir de mim, não em Nova York”, ponderou o ex-campeão.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *