UFC Pittsburgh traz dois brasileiros e retorno de ex-campeão na luta principal

L. Rockhold (esq) retorna contra D. Branch (dir) (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)

L. Rockhold (esq) retorna contra D. Branch (dir) (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)

O UFC Pittsburgh deste sábado (16) teve duas grandes baixas envolvendo brasileiros ao longo da semana, mas segue com grandes atrações. O ex-campeão dos médios Luke Rockhold, que não luta desde junho do ano passado quando foi superado por Michael Bisping e perdeu seu cinturão, enfrenta David Branch na luta principal.

Veja Também

L. Rockhold volta depois de mais de um ano fora (Foto: Reprodução Twitter ufc)
Rockhold garante que vai dominar Branch: ‘Não está no meu nível’

Serginho é azarão contra Usman (Foto: Reprodução/Facebook UFC
Serginho Moraes é o maior azarão nas apostas para o UFC Pittsburgh

felipe-sertanejo-reproducao-twitter-felipesertanejo
Na véspera da luta, Sertanejo fica doente e deixa o UFC Pittsburgh

O segundo combate mais importante da noite teria a presença de Thiago “Pitbull” Alves, que enfrentaria Mike “Platinum” Perry nos meio-médios. Porém, o brasileiro ficou preso na Flórida por conta do furacão Irma e não conseguiu viajar para Pittsburgh – ele será substituído pelo estreante Alex Reyes, que tem um cartel de 12 vitória e três derrotas.

Na porção preliminar do show, outro brazuca foi obrigado a deixar sua luta. Felipe Sertanejo enfrentaria Luke Sanders, mas sofreu com o corte de peso e foi vetado para lutar. Com isso, o UFC Pittsburgh terá apenas dois brasileiros. O campeão mundial de jiu-jitsu Serginho Moraes enfrenta Kamaru Usman, pelos meio-médios, enquanto o peso leve Gilbert Durinho faz a primeira luta da noite contra Jason Saggo.

Em busca da redenção

L. Rockhold volta depois de mais de um ano fora (Foto: Reprodução Twitter ufc)

L. Rockhold volta depois de mais de um ano fora (Foto: Reprodução Twitter ufc)

Em junho de 2016, Luke Rockhold teve sua vida mudada após a luta contra Michael Bisping. Desdenhando do desafiante, que substituiu Chris Weidman com menos de duas semanas para o UFC 199, o então campeão foi nocauteado no primeiro round, perdendo o título conquistado justamente diante de Weidman para o britânico.

Depois disso, Rockhold passou a se dedicar à carreira de modelo e disse que só voltaria a lutar se o UFC renegociasse o seu contrato. Após troca de farpas com Dana White pela imprensa, Luke assinou para enfrentar Ronaldo Jacaré no fim do ano passado, mas acabou se machucando. Ele tentou voltar antes, mas declarou que ninguém queria enfrentá-lo. David Branch, ex-campeão meio-pesado e médio do WSOF, aceitou o desafio.

Os dois se enfrentam na luta principal do UFC Pittsburgh e Branch, que venceu Krystof Jotko na sua estreia pelo Ultimate, tem a vantagem de estar mais ativo – e mais acostumado a lutas de cinco rounds. Nada que preocupe Rockhold, que manteve o jeito marrento e garantiu que seu adversário não está no seu nível – assim como havia falado de Bisping. O UFC Pittsburgh irá tirar a dúvida…

 

Ranking à vista

S. Moraes busca entrada no ranking (Foto: Reprodução Instagram serginhomoraes)

S. Moraes busca entrada no ranking (Foto: Reprodução Instagram serginhomoraes)

Após a perda de Thiago Pitbull e Felipe Sertanejo, o MMA do Brasil será representado neste sábado (16) por dois grandes nomes do jiu-jitsu: Gilbert Durinho e Serginho Moraes. O “Pantera” Moraes terá um dos grandes desafios de sua carreira contra Kamaru Usman, número 13 do ranking dos meio-médios, que tem cinco vitórias em cinco lutas pelo Ultimate.

Campeão da 21ª temporada do The Ultimate Fighter, Usman é conhecido por seu wrestling de primeira linha, força física e trocação cada vez melhor. Serginho também tem melhorado a parte em pé desde que virou aluno de André Dida na Evolução Thai. Como enfrentará um campeão mundial de jiu-jitsu, é possível que o nigeriano segure a onda nas quedas e tente machucar o “Pantera” com socos e chutes antes de buscar o tablado.

Porém, o brasileiro sabe que, se vencer Usman, finalmente será ranqueado. Serginho vem exigindo um adversário top-10 e seu currículo no UFC também é impressionante: são seis vitórias, uma derrota e um empate em oito lutas. Mais um triunfo e sua exigência deverá ser atendida pelo Ultimate. A conferir…

 

Luta de recuperação

G. Durinho (foto) busca recuperação contra Saggo (Foto: Reprodução Twitter gilbertdurinho)

G. Durinho (foto) busca recuperação contra Saggo (Foto: Reprodução Twitter gilbertdurinho)

Enquanto Serginho Moraes mira o top-15 no UFC Pittsburgh, o outro brasileiro do card, Gilbert Durinho, tem missão diferente. O peso leve precisa se recuperar da derrota para Michel Trator, no UFC Brasília de um ano atrás. Desde então, ele precisou lidar com algumas lesões e finalmente volta ao octógono, contra o perigoso Jason Saggo.

Assim como Durinho, o canadense é conhecido por seu jogo de chão, mas o nível de Gilbert é outro, de modo que Saggo deverá investir na trocação. Excelente oportunidade para o brasileiro mostrar sua evolução treinando com Henri Hooft, um dos melhores técnicos de trocação do MMA. Fazendo a primeira luta da noite, o faixa-preta de jiu-jitsu sabe que apenas uma vitória não basta para recolocá-lo nos eixos. A ideia é vencer e convencer, de preferência com uma finalização ou com um nocaute.

 

Ficha técnica do UFC PITTSBURGH

 DATA E HORÁRIO: 16/09/2017, a partir das 19h50 (horário de Brasília)

LOCAL: PPG Paints Arena, Pittsburgh, Pensilvânia, Estados Unidos

TRANSMISSÃO: Canal Combate

CARD PRINCIPAL

Peso médio: Luke Rockhold x David Branch

Peso meio-médio: Mike Perry x Alex Reyes

Peso médio: Hector Lombard x Anthony Smith

Peso leve: Gregor Gillespie x Jason Gonzalez

Peso meio-médio: Kamaru Usman x Serginho Moraes

Peso pesado: Justin Ledet x Azunna Anyanwu

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Tony Martin x Olivier Aubin-Mercier

Peso pesado: Anthony Hamilton x Daniel Spitz

Peso médio: Krzysztof Jotko x Uriah Hall

Peso leve: Jason Saggo x Gilbert Durinho

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *