Bisping admite que pode se aposentar após luta contra St. Pierre

Bisping revelou dúvidas sobre futuro (Foto: Reprodução/Youtube UFC)

Bisping revelou dúvidas sobre futuro (Foto: Reprodução/Youtube UFC)

Atual campeão peso médio do Ultimate, Michael Bisping fará a segunda defesa do seu cinturão contra Georges St. Pierre no UFC 217 do dia 4 de novembro, em Nova York. O inglês admite que o duelo contra GSP, ex-dono do cinturão meio-médio, pode ser o último de sua carreira profissional. Aos 38 anos, o lutador admite que tem pensado em aposentadoria e revelou que toda sua família pede para que ele pendure as luvas.

Veja Também

Bisping vai enfrentar GSP em novembro. (Foto: Reprodução/Facebook UFC)
Bisping provoca Rockhold: ‘Não quer nem falar meu nome’

L. Machida (dir) pega D. Brunson (esq) em outubro (Foto: Reprodução Facebook UFC)
Lyoto revela conversa com Anderson antes de luta com Brunson

ronda-reproducao-fb23
Técnico quer que Ronda Rousey volte ao UFC para enfrentar Cyborg

Em entrevista ao programa The MMA Hour, Bisping declarou ainda que tem projetos fora do MMA e uma carreira em Hollywood que pode ser lançada – ele já participou de alguns filmes em papéis menores.

“A luta com St. Pierre vai ser grande, em uma arena icônica para os esportes de combate. E é Georges St. Pierre. Todo mundo sabe quem é ele. Pode não estar no nível de reconhecimento de Conor McGregor ou Ronda Rousey mas está ali. Ele é duro, traz um novo desafio para mim. É uma luta grande, como já disse. Talvez seja a maior luta do ano (…) Então, talvez seja a minha última luta. Minha família quer que eu me aposente, meu empresário também (…) Fazemos isso por dinheiro, no fim das contas. E tenho opções fora do MMA. Já assinei para aparecer em três filmes e uma série no ano que vem”, declarou Bisping, garantindo, porém, que o foco total está em superar GSP.

“Georges deveria ter permanecido aposentado. Ele deveria ficar aposentado, pois ele saiu como campeão. Eu vou vencê-lo e, quem sabe, me aposentar como campeão. Ainda não me decidi totalmente (…) Sigo motivado, ainda estou treinando duro e GSP nunca vai ter apanhado tanto na vida como quando me enfrentou”, disparou.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *