Perto de recorde, Joanna pretende subir para o peso mosca

J. Jedrzejczyk está próxima de recorde (Foto: Reprodução Facebook UFC)

J. Jedrzejczyk está próxima de recorde (Foto: Reprodução Facebook UFC)

Joanna Jedrzejczyk revelou seu desejo de subir para o peso mosca, categoria que está sendo introduzida aos poucos pelo UFC. Campeã da organização na divisão palha, a polonesa primeiro quer bater o recorde de Ronda Rousey, atualmente a mulher com mais defesas de cinturão da história do Ultimate (cinco), junto com a própria Joanna

Veja Também

Brasileiras irão se enfrentar em Saitama (Foto:Reprodução/CombatePlay/Montagem SL)
Gadelha é favorita contra Bate-Estaca nas apostas para o UFC Japão

J. Andrade e C. Gadelha estão confirmadas (Foto: Reprodução Youtube ufc)
Brasileiros batem o peso e estão confirmados no UFC Japão

St. Pierre (foto) falou sobre rivalidade com Bisping Foto: Reprodução  / Twitter / Georges St. Pierre
St. Pierre não liga para insultos de Bisping: ‘Tem problemas’

Jedrzejczyk enfrenta Rose Namajunas no UFC 217 no dia 4 de novembro e diz que, em caso de vitória sobre a norte-americana de origem lituana, pretende fazer mais uma defesa do seu título antes de subir de peso.

“Amo a Ronda, temos um bom relacionamento e, como já disse diversas vezes, ela é muito importante por ter feito tanto pelo MMA, pelo UFC e não somente pelas lutadoras mulheres. Mas, claro, estamos falando de vencer uma luta, defender um cinturão e quebrar recordes. Seria legar bater o recorde da Ronda, depois de vencer a Rose Namajunas. Olhando para frente, quero defender meu cinturão dos palhas ainda em 2018 e aí veremos. Talvez eu suba”, declarou, em entrevista ao programa norte-americano UFC Tonight.

A polonesa conquistou o cinturão peso palha no UFC 185, ao nocautear a primeira campeã da história da categoria, Carla Esparza. Depois, defendeu seu título contra Jessica Penne, Valerie Letorneau, Claudia Gadelha, Karolina Kowalkiewicz e, finalmente, diante da brasileira Jéssica Bate-Estaca, em sua última luta. Diante de Namajunas, ela fará sua sexta defesa e poderá superar Rousey.

 

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *