Com atuação de gala, Jéssica Andrade vence Claudia Gadelha de forma irrepreensível

Jéssica Andrade castigou Claudia Gadelha – Foto: Jeff Bottari

Com uma atuação impressionante, Jéssica Andrade foi o destaque do UFC Japão, realizado na sexta-feira. A paranaense dominou completamente a compatriota Claudia Gadelha e venceu com sobras o duelo válido pelos pesos-palhas. Diferentemente da conterrânea, Jussier Formiga teve uma noite feliz, e com um mata-leão finalizou o japonês Yuta Sasaki ainda no primeiro round. Na luta principal, Ovince Saint Preux não teve a menor dificuldade para finalizar Yushin Okami com um von flue choque no segundo minuto de combate.

Jéssica Andrade impõe castigo a Claudia Gadelha

Considerada zebra no duelo brasileiro, Jéssica Andrade venceu Claudinha Gadelha de forma amplamente dominante. A potiguar até começou melhor, mais veloz, aplicando os melhores golpes, e até chegou a abrir um grande corte na testa da compatriota, mas a paranaense respondeu ainda no primeiro round com uma queda cinematográfica e um domínio no chão. Nos rounds seguintes só deu Jéssica. Visivelmente mais inteira, ela castigou Gadelha com variados socos na cabeça e na linha de cintura, além de fortes chutes nas pernas. Com quedas impressionantes, a atleta da PRVT cravou a oponente no chão, onde agrediu severamente para garantir a vitória por decisão unânime.

 Jussier Formiga finaliza anfitrião

O peso-mosca Jussier Formiga não deu brecha para Yuta Sasaki. Ainda no primeiro round, o brasileiro levou o japonês ao solo, montou, aproveitou a chance de pegar as costas e encaixou um mata-leão inapelável para definir o combate.

Frankenstein cumpre promessa de trocar contra Gokhan Saki e acaba nocauteado

Quando Henrique Frankenstein afirmou que buscaria a trocação diante do ás do kickboxing Gokhan Saki – autor de 59 nocautes em sua modalidade raiz -, muita gente pensou que ele estivesse blefando para confundir o adversário. Porém, o pernambucano cumpriu o prometido, aceitou a trocação contra o turco, tomou um knockdown, resistiu a uma série de golpes severos e chegou a oferecer perigo. Entretanto a experiência do kickboxer fez a diferença, e ainda no primeiro round, quando parecia acuado na grade, Saki acertou um impiedoso cruzado de esquerda no queixo do brasileiro, que já caiu fora de sintonia, nocauteado. Com a quarta derrota consecutiva, Frankenstein deve ser demitido do UFC.

 UFC Japão

22 de setembro de 2017

Ovince Saint-Preux finalizou Yushin Okami com um estrangulamento Von Flue aos 1:50 do R1

Jéssica Andrade venceu Cláudia Gadelha por decisão unânime

Dong Hyun Kim venceu Takanori Gomi por nocaute técnico as 1:30 do R1

Gokhan Saki  nocauteou Henrique Frankenstein aos 4:45 do R1

Teruto Ishihara venceu Rolando Dy por decisão unânime

Jussier Formiga finalizou Ulka Sasaki com um mata-leão aos 4:30 do R1

Keita Nakamura venceu Alex Morono por decisão dividida

Syuri Kondo venceu Chan-Mi Jeon por decisão dividida

Shinsho Anzai venceu Luke Jumeau por decisão unânime

Daichi Abe venceu Hyun Gyu Lima por decisão unânime

O post Com atuação de gala, Jéssica Andrade vence Claudia Gadelha de forma irrepreensível apareceu primeiro em Portal do Vale Tudo.

Source: Portal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *