O senador ‘lutador’ e a lição de que ringue não é tribuna

Senador acabou na lona durante sparring de Boxe – Arte: David Carvalho/Livro Por Trás do Octógono

Desde os tempos da lendária Academia Gracie dos anos 50, localiza-da na Av. Rio Branco, 151, que alguns políticos, à guisa de se sentirem ainda mais poderosos, se aproximam de lutadores. O problema é que em muitos casos, seja por excesso de ego ou por falta de bom senso, eles não entendem que estão sendo aliviados pelos profissionais.

Foi o que aconteceu com um conhecido senador da república quando o UFC foi a Brasília pela primeira vez em 2016. Empolgadíssimo com a cobertura da imprensa local, ele passou a treinar diariamente numa equipe com lutadores do UFC.

E, o que é pior, passou a se achar em condições técnicas de ensinar aos atletas puxando manoplas e fazendo sparrings. “Tá fraco!; movimenta a cabeça quando soltar este cruzado! Isso guer-reiro, não desista! ”. Quem acabava ficando na maior saia justa era o mestre Dílson, Headcoach da equipe, que tinha que escolher os treinos certos para não machucar o “casca-grossa das tribunas”.

Um dia, porém, o mestre teve que resolver um compromisso e chegou mais tarde à academia, não conseguindo evitar que o senador convidasse Edvaldo Shreck, o lutador maior ogro da equipe para fazer um “sparring de Boxe”. Para espanto do mestre, Shreck até começou pegando leve, mas o senador sem noção não perdoou. “Ta batendo igual a uma mocinha, solta esta mão direito, rapaz”, disse, acertando um cruzado em cheio no rosto do “aluno ogro”.

Edvaldo, que não era de descumprir ordens, respondeu de pronto com um cruzado na ponta do queixo, desligando o disjuntor do político. Desesperado com o senador da república desfalecido, sem som e sem imagem, no meio de seu ringue, Mestre Dílson pensou rápido, incorporando o personagem que o senador tanto gostava de interpretar. “Levanta, guerreiro, gladiador não desiste nunca! Vamo! Vamo! ”, disse o mestre, dando três tapas na cara do político, enquanto o assustado Shreck levantava suas pernas para ajudá-lo a recobrar a consciência.

O Senador acordou do sonho e, depois do UFC Brasília, nunca mais foi visto na academia.

Esta e mais de 100 outras histórias dos bastidores do mundo da luta estão no livro “Por Trás Do Octógono” – escrito pelo jornalista Marcelo Alonso em parceria com o Canal Combate -, que está disponível para compra nas principais lojas do país, assim como o livro “Do Vale Tudo ao MMA – 100 Anos de Luta”. Confira nos links abaixo:

Loja PVT: https://www.lojapvt.com.br/

Amazon: https://goo.gl/ER1uDw

Saraiva: https://goo.gl/JrM8FE

Shoptime: https://goo.gl/vZCGwZ

Submarino: https://goo.gl/cZG41R

Lojas Americanas: https://goo.gl/suX7GU

O post O senador ‘lutador’ e a lição de que ringue não é tribuna apareceu primeiro em Portal do Vale Tudo.

Source: Portal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *