Técnico de McGregor garante nocaute do pupilo sobre Ferguson

Roddy (dir) com McGregor (centro) (Foto: Reprodução Twitter coach_kavanagh)

Roddy (dir) com McGregor (centro) (Foto: Reprodução Twitter coach_kavanagh)

Apesar de Dana White ter garantido que o próximo duelo de Conor McGregor no UFC será contra Tony Ferguson, a equipe do irlandês permanece reticente com a possibilidade. Mesmo que “El Cucuy” tenha ganhado o título interino peso leve no UFC 216 do último sábado, o treinador de trocação do “Notorious”, Owen Roddy, faz eco ao sentimento do técnico de jiu-jitsu da SBG, John Kavanagh, e diz preferir ver Conor contra Nate Diaz pela terceira vez. Mesmo assim, Roddy garante que um eventual duelo com Ferguson seria fácil para seu pupilo.

Veja Também

T. Ferguson fez história no UFC 216 (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)
Ferguson entra no ranking peso por peso após UFC 216

H. Cejudo perdeu medalha (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)
Cejudo perde medalha de ouro e sofre queimaduras em incêndio

Cormier (esq) se desculpou com Johnson (dir) (Foto: Reprodução/Facebook UFC)
Cormier pede desculpas por duras críticas a Johnson: ‘Errei’

Em entrevista ao podcast norte-americano “Submission Radio”, Roddy declarou que McGregor é capaz de acabar com Ferguson no primeiro round e não vê o campeão interino sendo capaz de absorver golpes do irlandês como fez diante de Kevin Lee no UFC 216.

“O estilo dele é meio diferente, não é tradicional. Mas acho que Conor McGregor tem uma técnica muito apurada para ele. Se Ferguson tentar trocar com Conor a luta vai acabar rapidamente, na minha opinião. Ele é duro e raçudo, aguenta muito, então talvez ele consiga absorver alguns dos golpes de Conor, mas no fim das contas ele será muito técnico para Ferguson. Não vejo Conor nem sendo tocado (…) Seria uma grande luta, sem dúvida, porque Ferguson tem um estilo animado, mas tem muitos buracos em seu jogo”, exclamou Roddy, que explica preferência por novo duelo com Diaz.

“A questão é que Diaz tem um queixo inacreditável, isso é bem único. Não acho que Ferguson seja capaz de absorver os golpes que Diaz absorveu contra Conor e continuar andando para frente. Sabe o que quero dizer? Acho que ele apaga ou o árbitro tem que intervir se Conor conectar contra Ferguson. Diaz, por outro lado, absorvia todos os golpes de McGregor”, apontou.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *