Darren Till surpreende e atropela Cerrone na luta principal do UFC Polônia; Brasil sai no ‘empate’

Uma nova força surge na divisão dos meio-médios do Ultimate, e ela se chama Darren Till. Neste sábado (21), pela luta principal do UFC Polônia, em Gdansk, o inglês confirmou seu bom momento ao derrotar Donald Cerrone por nocaute técnico, ainda no primeiro round, e manter a sua invencibilidade no MMA: são 16 vitórias em 17 duelos até agora.

No co-main event, a atleta da casa Karolina Kowalkiewicz fez valer o seu favoritismo ao vencer Jodie Esquibel por decisão unânime dos jurados. Já representando o Brasil, Warlley Alves derrotou Josh Emmett, enquanto Felipe Sertanejo foi superado por Jim Wallhead – ambos na decisão dos árbitros -, na luta que deu início às ações no UFC Fight Night 118.

Till surpreende e atropela Cerrone

Quem esperava um duelo equilibrado entre Donald Cerrone e Darren Till se enganou. O americano até tomou a iniciativa, buscando uma queda, mas Till defendeu bem. Em seguida, começou o show do inglês. Bastante confiante e fazendo o “Cowboy” andar para trás no octógono, o lutador acertou Cerrone com duas bombas, balançando o adversário.

Depois, coube a Till apenas ir pra cima com tudo, obrigando o árbitro a encerrar o duelo. Vitória por nocaute técnico do inglês, que segue invicto no MMA, agora com 16 triunfos.

“Foi tudo muito simples, acho que sou melhor do mundo. Sou um meio-pesado lutando no meio-médio. Achei o tempo certo. Estou indo atrás dos oponentes e vou vencer um por um”, afirmou Darren Till, ainda no octógono, projetando seu futuro dentro da categoria.

O “Cowboy”, por sua vez, chegou a três derrotas consecutivas – uma fato inédito na sua carreira – e se encontra pela primeira vez em uma situação delicada dentro do Ultimate.

Após duas derrotas seguidas, polonesa Karolina venceu em casa e comemorou (Foto Getty Images / UFC)

Karolina reencontra caminho da vitória

Vindo de duas derrotas consecutivas, para a campeã Joanna Jedrzejczyk e Claudinha Gadelha, a ex-desafiante ao cinturão peso-palha Karolina Kowalkiewicz se recuperou lutando em casa. Diante da estreante Jodie Esquibel, a polonesa não teve dificuldades para controlar o combate e sair vencedora por decisão unânime dos jurados após três rounds.

Com o triunfo, Karolina agora soma 11 resultados positivos e apenas dois reveses no MMA, e se recoloca entre as tops da divisão dos palhas do Ultimate, hoje liderada por Joanna.

Saldo empatado para os brasileiros

Únicos brasileiros presentes no card em Gdansk, Warlley Alves e Felipe Sertanejo tiveram resultados distintos. Enquanto o lutador da X-Gym venceu Josh Emmett por decisão unânime dos jurados e ganhou fôlego na divisão dos meio-médios após dois reveses seguidos, Sertanejo somou sua segunda derrota consecutiva ao ser superado, também por unanimidade, pelo americano  Josh Emmett, na luta que abriu o evento na Polônia.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Fight Night 118
Gdansk, na Polônia

Sábado, 21 de outubro de 2017

Card principal
Darren Till derrotou Donald Cerrone por nocaute técnico no 1R
Karolina Kowalkiewicz derrotou Jodie Esquibel por decisão unânime dos jurados
Jan Blachowicz finalizou Devin Clark com uma guilhotina no 2R
Oskar Piechota derrotou Jonathan Wilson por decisão unânime dos jurados

Card preliminar
Marcin Held derrotou Nasrat Haqparast por decisão unânime dos jurados
Brian Kelleher derrotou Damian Stasiak por nocaute técnico no 3R
Ramazan Emeev derrotou Sam Alvey por decisão unânime dos jurados
Andre Fili derrotou Artem Lobov por decisão unânime dos jurados
Warlley Alves derrotou Jim Wallhead por decisão unânime dos jurados
Aspen Ladd derrotou Lina Lansberg por nocaute técnico no 2R
Josh Emmett derrotou Felipe Sertanejo por decisão unânime dos jurados

Source: Tatame

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *