Evento na Irlanda tem agressão de córner a ex-lutador do UFC

 

Parke reage a agressão (Foto: Reprodução Twitter KSW_MMA)

Parke reage a agressão (Foto: Reprodução Twitter KSW_MMA)

O evento polonês KSW realizou sua 40ª edição na Irlanda, no último domingo (22), e apesar de grandes combates, ficou marcado pela confusão após a luta co-principal da noite. Após o duelo entre Norman Parke, ex-lutador do UFC, e Mariusz Gamrot ter ficado sem resultado, um dos responsáveis pelo córner de Gamrot iniciou uma briga generalizada após dar um soco no rosto de Parke.

Veja Também

Till (dir) quebrou o nariz de Cerrone (esq) no UFC Polônia (Foto: Reprodução Twitter ufc_brasil)
Com nariz quebrado, Cerrone recebe suspensão médica de 180 dias

C. McGregor estava presente ao UFC Polônia (Foto: Reprodução Twitter UFC)
Árbitro explica bronca em McGregor durante o UFC Polônia

O duelo era válido pelo cinturão peso leve da organização, mas acabou encerrado durante o segundo round, quando Gamrot media a distância com a palma da mão aberta e acabou colocando o dedo no olho de Parke. O norte-irlandês não conseguiu continuar e o combate acabou ficando como No Contest (sem resultado). Após o anúncio do resultado, as equipes dos dois lutadores se estranharam e um dos treinadores de Gamrot soltou um golpe em Parke.

O KSW 40 também contou com a primeira defesa de cinturão da brasileira Ariane Lipski. Campeã peso mosca do evento, a lutadora da Rasthai Temple finalizou a compatriota Mariana Morais, companheira de Jéssica Bate-Estaca na PRVT, com apenas 58 segundos de luta. Já o ex-UFC Paulo Thiago acabou derrotado por nocaute por Michal Materla, que chegou a assinar com o Ultimate, mas desistiu do contrato com a organização para seguir no KSW.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *