Coluna da Team Nogueira: como superar as adversidade quando elas se apresentam para você; confira

Olá amigos, aqui é o Rogério Minotouro, e hoje eu vim aqui para falar sobre os reveses da vida. O que fazer quando uma adversidade se apresentar para você? Afinal de contas, como agir diante das dificuldades impostas pela vida no nosso dia a dia?

Eu estive pensando nestes dias que tudo parte da motivação. Todo objetivo que nós temos só será concluído se estivermos fortemente motivados. Eu sou um cara que estou há muito tempo no esporte e sei bem que as dificuldades se apresentam por muitas vezes, como por exemplo lesões que nos impedem de lutar, derrotas, falta de dinheiro no início da carreira, etc. Logo, se não tivermos a cabeça boa para passar por tudo isso, ficamos para trás.

Mas, como eu disse antes, nós temos que ter um objetivo. Os meus são a minha família, os nossos mais de 10 mil alunos das academias Team Nogueira, bem como as crianças dos projetos do Instituto Irmãos Nogueira. Então, sempre que ocorre uma adversidade, eu busco neles uma nova motivação. Além disso, é muito importante ser positivo e afastar todos os pensamentos negativos que, por ventura, possam te colocar para baixo.

Eu acho muito mais interessante você ser grato pelas coisas que você já conquistou até o momento e parar de reclamar um pouco, mesmo quando o problema for grande. Acredito fortemente que trabalhar o aprendizado disso e conseguir novas oportunidades é mais válido do que ficar chateado o tempo inteiro. Tem uma frase que complementa muito bem este artigo: “É preciso encontrar o conforto no meio do desconforto”, e eu acredito nisso.

O problema parece muito maior quando você fica se lamentando ou fica desesperado achando que está tudo errado. Gratidão vai te gerar mais resiliência às adversidades. Mudar o seu pensamento de ficar reclamando e agradecer por ter a oportunidade de estar fazendo o que realmente gosta e ocupar a mente com coisas boas e positivas é a chave.

Ou seja, até mesmo nas dificuldades nós temos oportunidades, basta saber enxergar com perseverança, calma e a com a cabeça tranquila. A minha família sempre vai ser o meu motivador, a Valentina, o Roger, minha mulher, minha mãe, meu pai e os meus irmãos sempre serão o meu porto seguro, de onde eu vou encontrar as forças de que preciso para continuar a minha caminhada. E você, o que está fazendo para superar suas adversidades?

Source: Tatame

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *