Empresário de Demian Maia revela pedido de desculpas de Colby Covington: ‘Confessou que é um personagem’

Colby Covington conseguiu o que queria. Além de derrotar Demian Maia na penúltima luta do UFC São Paulo, por decisão unânime, o norte-americano também terminou como o lutador mais comentado do evento, mesmo que para o mal, já que suas ofensas aos brasileiros repercutiu de forma negativo entre o público e até mesmo entre seus companheiros de American Top Team, equipe fundada e formada por muitos brasileiros.

Em entrevista ao PVT nos bastidores do evento, Eduardo Alonso, empresário de Demian Maia, revelou que o falastrão pediu desculpas a eles logo após a luta e confessou que encarna um personagem para tentar chamar a atenção.

“Os dois foram juntos para sala médica tomar pontos, o Colby também se machucou, se cortou, e lá ele falou comigo: ‘Espero que você saiba que isso é só um personagem, é só marketing, para vender. Optei por isso e preciso disso para me promover. Eu respeito muito o Demian, ele é uma lenda, foi uma luta muito dura, eu sou fã dele, sou grappler também, acompanho a carreira dele, ele foi guerreiro, e por favor fala para ele que eu sou fã dele e isso é só um personagem’. Acho que ele não vai gostar de ver eu falando isso aqui. Enfim, quem conhece o Sonnen nos bastidores sabe que ele nos bastidores também é um gentleman, então a gente tem que respeitar, cada um se promove do jeito que acha que deve se promover, não é o que eu faria, mas para ele parece estar dando certo”.

Em relação aos próximos passos de Demian Maia, Eduardo Alonso revelou que o meio-médio, que completa 40 anos no próximo dia 06, manifestou o desejo de fazer a última luta que possui no contrato com o UFC. Porém, o empresário afirmou que entende caso o atleta resolva encerrar a carreira de atleta de MMA.

“Muito difícil falar de futuro imediato agora, o que eu posso te dizer é que no vestiário depois da luta ele falou que quer continuar lutando, falou em dois anos, um ano e meio mais de carreira, mas isso é muito subjetivo, é a dinâmica do dia a dia que vai dizer. Ele tem mais uma luta no contato e eu acredito que ele vá fazer essa luta, mas vai depender muito do contexto”, contou. “O que vai dizer é o futuro dele é a vontade dele, pois é muito normal se ele começar a ficar de saco cheio também, porque ele está há muito tempo na estrada, já fez muita coisa pelo Jiu-Jitsu brasileiro, acho que ele não tem que provar mais nada para ninguém, e enquanto ele estiver treinando bem, rendendo bem e querendo, eu acho que ele vai continuar lutando”.

A derrota no último sábado foi a segunda consecutiva de Demian Maia, que antes de ser derrotado para Tyron Woodley na disputa de cinturão dos meio-médios ostentava uma sequência de sete vitórias. Ao todo, o faixa preta de Jiu-Jitsu possui um cartel de 25 vitórias e oito reveses, e disputou os cinturões dos médios, em 2010, quando perdeu para Anderson Silva, e mais recentemente o da atual categoria.

O post Empresário de Demian Maia revela pedido de desculpas de Colby Covington: ‘Confessou que é um personagem’ apareceu primeiro em Portal do Vale Tudo.

Source: Portal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *