St. Pierre exalta duelo com Bisping: ‘É a minha maior luta’

St. Pierre retorna nesta semana (Foto: Reprodução/Facebook/Georges St. Pierre)

St. Pierre retorna nesta semana (Foto: Reprodução/Facebook/Georges St. Pierre)

O canadense Georges St. Pierre retorna ao MMA, neste sábado (4), buscando fazer história. Ao enfrentar o campeão Michael Bisping no UFC 217, em luta válida pelo título dos médios, GSP tentará se tornar apenas o quarto lutador a ter sido campeão do Ultimate em duas categorias diferentes, após os feitos de Conor McGregor, Randy Couture e BJ Penn. E ele admite que o duelo com o inglês é o maior de sua carreira.

Veja Também

M. Bisping (foto) discutiu com Masvidal (Foto; Reprodução Instagram MikeBisping)
Bisping e Masvidal trocam insultos nos bastidores do UFC 217

Jones voltou a ser criticado pelo chefe (Foto: reprodução/Facebook UFC)
Dana White volta a criticar Jon Jones: ‘Ele é incorrigível’

Carcacinha fará sua segunda luta no UFC (Foto:Reprodução/InstagramUFC)
Nocaute em Nova York, duelo com Thominhas e cinturão: as metas de Carcacinha no UFC

Em declarações reproduzidas pelo site norte-americano MMA Junkie durante os Treinos Abertos para o UFC 217, St. Pierre disse que voltou a lutar por seu legado e garantiu que, nos quase quatro anos que ficou aposentado, nunca deixou de treinar.

“Não há nada maior que isso. Estou lutando pelo título contra o detentor do recorde de vitórias na história do UFC. Estou lutando pelo meu legado Lutando também para entrar em um um grupo de elite de atletas que ganharam dois títulos em duas divisões. Não consigo pensar em um cenário melhor (…) Estou muito feliz de estar aqui. Estou há quatro anos trabalhando por isso. Nunca parei de treinar, nunca tirei férias. Nesse período, treinei por diversão e agora estou treinando por performance. Tenho um foco apenas, que é voltar a ser campeão mundial”, garantiu GSP.

Mesmo sem lutar desde 2013, St. Pierre é reconhecido como o maior meio-médio da história. Campeão em duas ocasiões diferentes, o canadense tem oito defesas do seu cinturão e venceu nomes como Matt Hughes, BJ Penn, Jon Fitch, Thiago Pitbull, Nick Diaz, Carlos Condit e Jake Shields em sua carreira.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *