Garbrandt admite derrota, mas diz: ‘Sou melhor que Dillashaw’

C. Garbrandt perdeu o cinturão no sábado (4) (Foto: Reprodução Facebook UFC)

C. Garbrandt perdeu o cinturão no sábado (4) (Foto: Reprodução Facebook UFC)

Ex-campeão peso galo, Cody Garbrandt foi destronado logo em sua primeira defesa de cinturão pelo seu ex-companheiro de equipe, TJ Dillashaw. Após quase liquidar a fatura no assalto inicial, “No Love” acabou nocauteado no segundo assalto, sofrendo a primeira derrota de sua carreira. Apesar de não dar desculpas para o revés, Garbrandt pediu uma chance para provar que é melhor lutador que seu ex-amigo.

Veja Também

TJ (foto) quer enfrentar Johnson (Foto: Reprodução Facebook UFC)
Dillashaw desafia Johnson e Dana White se anima: ‘Luta a ser feita’

GSP é campeão de novo (Foto: Reprodução Twitter ufc_europe)
St. Pierre diz que UFC 217 foi a ‘melhor noite’ de sua carreira

St. Pierre retornou finalizando Bisping (Foto:Reprodução/FacebookUFC)
Hangout SUPER LUTAS analisa o histórico UFC 217

Em conversa com jornalistas após o UFC 217 do último sábado (4), o norte-americano disse que foi pego por um golpe do rival, mas garantiu que é o melhor lutador. Ele ainda admitiu que respeita como Dillashaw como lutador, mas declarou que não o respeita como pessoa.

“Não, mantenho tudo o que disse, mas ele capitalizou em um erro que cometi. Sou o melhor lutador. Acho que estava sendo profissional, dando os fatos. Ainda acho que ele é um amigo de m… Ele venceu, bom pra ele, mas vou voltar com sede de vingança e o cinturão vai ser meu. Treinei com Dillashaw e sei que ele é um competidor, sei que ele tem habilidades. Não o respeito como pessoa, mas o respeito como lutador. Ele me pegou com um golpe só, mas ele me pegou. Eu gostaria de ter uma revanche, mas isso depende do UFC. Acho que os fãs gostariam de ver isso, sou o melhor peso galo do mundo”, declarou Cody após a coletiva.

Apesar do desejo de revanche imediata, Garbrandt deverá ter que esperar para ter uma nova chance pelo cinturão. Tudo indica que TJ Dillashaw descerá para o peso mosca e desafiará Demetrious Johnson, campeão da categoria. Após a luta, o novo campeão desafiou formalmente “Mighty Mouse” e a ideia foi bem recebida por Dana White, presidente do UFC.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *