Em divisão mais ‘pesada’, Gaudio analisa participação no Grand Slam RJ: ‘Categoria muito equilibrada’

Um dos grandes nomes da temporada 2017 no cenário da arte suave, Patrick Gaudio ainda continua na busca por mais medalhas de ouro. Seu próximo desafio será no UAEJJF Grand Slam do Rio de Janeiro, agendado para este fim de semana, na Barra da Tijuca.

Para o evento, o faixa-preta da GFTeam subiu de categoria e agora está escalado na divisão até 94kg, ao lado de Xande Ribeiro, Lucas Hulk, Dimitrius Souza e outras feras.

“A categoria está muito equilibrada, muitos atletas bons e acho que vai ser uma guerra lá. Eu estou amarradão em estar lutando com essa galera de alto nível. Sobre meu peso… Meu peso normal é 92kg, acredito que não vou ter nenhum sacrifício para bater o peso da categoria, não”, disse Patrick, antes de analisar sua temporada no circuito competitivo.

“Acho que foi um ano muito bom para mim, tive bons resultados ao longo da temporada. O único campeonato que não subi no pódio foi o Europeu da IBJJF, quando peguei uma pneumonia e não consegui lutar. Todos os outros eu acho que lutei bem, não consegui ser perfeito em todos, mas acredito que tive uma nota 8. Meus principais objetivos para 2018 são ser campeão Europeu e Mundial, pois são dois títulos que eu não tenho ainda na faixa-preta. Vou fazer de tudo para conseguir esses dois. Estou animado e doido para lutar logo”.

Em 2017, Patrick foi campeão do Brasileiro, Pan-Americano e acumulou outras diversas medalhas de ouro nos Opens da IBJJF. Agora, ele volta a lutar “em casa”, e tem nisso uma motivação extra. Pai recentemente, o jovem faixa-preta quer vencer e dedicar a vitória para sua filha, Valentina. A motivação está em alta, como ele mesmo revelou.

“Realmente, lutar aqui (no Rio) é muito bom. Depois que soube que ia ser pai, fiquei muito mais motivado em lutar esses campeonatos valendo dinheiro. Quando ela nascer, tenho que dar tudo para ela. Então, já estou juntando um dinheirinho extra para ela. Ela está me dando força para continuar lutando esse ano ainda, com certeza”, encerrou Patrick Gaudio.

Source: Tatame

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *