Vídeo mostra choro de Joanna e encontro de ex-campeões após UFC 217

O Ultimate divulgou um vídeo que captura algumas das emoções do maior evento de 2017: o UFC 217, disputado no último sábado em Nova York, que contou com três disputas de cinturão. Os então campeões Cody Garbrandt, Joanna Jedrzejczyk e Michael Bisping perderam seus cinturões para TJ Dillashaw, Rose Namajunas e Georges St. Pierre, respectivamente, e foram os destaques das imagens passadas no vídeo de quase três minutos.

Veja Também

R. Namajunas (esq) e Joanna (dir): rivalidade (Foto: Reprodução Facebook UFC)
Borrachinha revela ‘bullying’ de Joanna a Namajunas nos bastidores

GSP voltou com tudo ao ranking (Foto: Reprodução Instagram ufc)
St. Pierre volta em terceiro no ranking peso por peso do UFC

Holm não enfrentará Cyborg em dezembro (Foto:Reprodução/Facebook UFC)
Empresário diz que Holm não irá mais lutar com Cyborg

No início, o UFC mostra a reação do córner de Namajunas à vitória da norte-americana sobre Joanna, que é flagrada chorando e pedindo desculpas a seus treinadores, o brasileiro Katel Kubis e o norte-americano Mike Brown. Antes disso, a top model brasileiro Adriana Lima, amiga pessoal da polonesa, aparece incrédula com a derrota.

Depois, é a vez de mostrar as reações de amigos e familiares de Garbrandt e Dillashaw. Após a derrota, o ex-campeão desabafa com o treinador Justin Buchholz e promete se lembrar do sentimento da derrota, e diz que não gosta de ver sua mãe e sua esposa tristes com seu revés. Duane Ludwig, técnico de Dillashaw, por outro lado, mostra o cinturão para as câmeras e diz que seu pupilo nunca deveria ter perdido o título.

Finalmente, Georges St. Pierre e Michael Bisping são flagrados imediatamente após a luta se parabenizando, com o canadense dizendo que o inglês poderia ter lhe vencido. Depois, é a vez de Bisping consolar Garbrandt. Os dois se encontram nos bastidores e o inglês interrompe uma entrevista para parabenizar o norte-americano.

“Esse é o mundo da luta. Um dia se ganha, outro se perde. Todos que estão te criticando não têm a mínima coragem de subir lá e lutar. Você tem. Estou orgulhoso de você, garoto”, encerra Bisping.

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *