Vídeo: Aldo nega ter Holloway engasgado, diz que novo doping pode sujar carreira de Spider e defende McGregor

José Aldo recebeu a imprensa na manhã desta segunda-feira na Arena Upper, no Rio de Janeiro, para um último bate-papo antes da viagem para Detroit, EUA, onde faz a revanche contra Max Holloway valendo o cinturão peso-pena na luta principal do UFC 218, dia 02 de dezembro.

Na primeira luta entre eles, em junho deste ano, no Rio, o havaiano venceu por nocaute técnico no terceiro round, tomando o cinturão que pertencia ao brasileiro. Motivado por poder reconquistar o posto de campeão mais rápido do que imaginava, Aldo nega que o algoz esteja engasgado.

“Cada luta é uma luta. Aquele que luta sempre, um dia pode perder, é do esporte. Não está engasgado por isso, o fato de o cinturão não estar comigo é que me deixa mais motivado para treinar mais e recuperar. A luta com o Holloway é só mais uma que vou vencer”, garante o ex-campeão. “Fico feliz não pela revanche, mas por disputar o cinturão. É o que me motiva, o que me faz acordar cedo, a treinar cada vez mais para ser o campeão”.

Apesar da motivação pela disputa do cinturão, Aldo afirma que mantém o desejo de cumprir o contrato com o UFC o mais rápido possível para poder migrar para o Boxe em seguida.

“Não mudou nada, continuo com a mesma cabeça. Quero lutar mais vezes, ser o campeão logo, defender o quanto antes e sair sendo campeão. Tenho o desejo pessoal de lutar boxe, um sonho, mas antes disso tenho contrato. Vou procurar honrar o contrato da melhor maneira possível e, quem sabe, futuramente estrear no boxe. Como sempre falo, começando de baixo, não quero desafiar ninguém. Quero construir uma carreira. Sou novo ainda, não tenho tanta experiência, mas a partir do momento que eu estiver livre do contrato, quero ir para o boxe, sim”.

Doping de Anderson Silva e confusão envolvendo Conor McGregor

Na última semana, a USADA – agência responsável pelo controle antidoping do UFC – notificou Anderson Silva por uso de substância proibida. Caso seja condenado, o brasileiro será reincidente, já que em 2015 foi flagrado após a luta contra Nick Diaz. Para José Aldo, uma nova condenação pode manchar a carreira do compatriota.

“Querendo ou não, reduz (os feitos) bastante. Como eu falei, ele é um ídolo para a gente. Para quem é do meio, nem (reduz) tanto, mas para os fãs, sim. É uma visão diferente. Ele foi pego duas vezes. Se fosse uma, a gente até poderia falar, mas duas vezes pode condená-lo, então acho que pode sujar a carreira dele, que para mim foi uma das melhores”.

Há 10 dias, Conor McGregor se envolveu em mais uma polêmica. Desta vez, o irlandês invadiu o cage do Bellator após a vitória de um companheiro de equipe e, ao ser repreendido pelo árbitro, o empurrou. Aldo foi na contramão da maioria e saiu em defesa do rival.

“Ele é um cara emotivo. Quando tem um irlandês no meio eles são bastante calorosos. No próprio TUF quando a gente estava lá ele fez isso e até rasgou a calça. As críticas são injustas. Quantas vezes eu também já fiz isso aqui no Shooto com algum amigo próximo? Isso acontece no calor da emoção”.

O post Vídeo: Aldo nega ter Holloway engasgado, diz que novo doping pode sujar carreira de Spider e defende McGregor apareceu primeiro em Portal do Vale Tudo.

Source: Portal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *