Projetos sociais apoiados pela LBV dominam a Taça Guanabara de Jiu-Jitsu 

Projetos sociais apoiados pela LBV dominaram a competição – Foto: Leonardo Fabri

As equipes oriundas de projetos sociais apoiados pela parceria entre Legião da Boa Vontade, Super Rádio Brasil, Prime Esportes e Boomboxe dominaram a Taça Guanabara de Jiu-Jitsu realizada no último final de semana no Clube Municipal da Tijuca, no Rio de Janeiro. Ao todo, foram conquistadas 93 medalhas – 60 de ouro -, além do primeiro e do segundo lugar por equipes.

Além do sucesso dentro do tatame, um feito não menos importante fora dele também deve ser comemorado. Em parceria com a FJJD-Rio, cerca de 500kg de alimentos foram arrecadados. Eles serão doados a famílias menos favorecidas através da campanha “Natal Permanente”, da LBV.

Jovens da comunidade de Manguinhos são campeões por equipe

Liderados pelo faixa-preta Erivan Gonçalves, os alunos da ECM Team/Nova União, de Manguinhos, conquistaram 38 medalhas, 27 delas de ouro, o que rendeu a eles o troféu de primeiro lugar por equipe da competição.

“Cumprimos nossa missão na Taça Guanabara. Na verdade, o ano de 2017 foi muito proveitoso e agradecemos ao apoio das instituições parceiras por isso, pois, sem o apoio deles, dificilmente descobriríamos esses novos talentos da nossa comunidade. Os alunos do projeto venceram no Jiu-Jitsu e nos estudos, então só temos a comemorar”, declarou o professor Erivan.

Outro projeto de sucesso que se destacou no campeonato foi o Spartanos do Complexo, da Penha, liderado pelo faixa-preta Anderson Ribeiro, o Boizão. Seus alunos faturaram 20 medalhas, sendo oito de ouro.

“O ano ainda não acabou, mas 2017 foi muito importante para nós, pois, além das conquistas em campeonatos estaduais e nacionais, como a própria Taça Guanabara,  pela primeira vez conseguimos levar um atleta para o mundial da IBJJF, na Califórnia, e isso graças aos nossos apoiadores. Acredito que foi apenas a primeira de muitas vezes”, relatou Boizão.

A campanha “Esporte É Vida”, da LBV, não se limita a incentivar apenas os projetos cariocas. Outras cidades do estado também recebem apoio da tradicional instituição, caso de Muriqui, que através da equipe Geração de Graças, em parceria com a Igreja Católica, abocanhou seis medalhas – sendo três de ouro. Vale ressaltar que o projeto possui apenas seis meses de existência.

As demais medalhas foram conquistadas por alunos de projetos sociais da Cidade de Deus, Rocinha e Providência, todos parte da mesma campanha.

O post Projetos sociais apoiados pela LBV dominam a Taça Guanabara de Jiu-Jitsu  apareceu primeiro em Portal do Vale Tudo.

Source: Portal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *