Alexandre Pantoja feliz em encarar lutador ranqueado

Foto: Gety Images

O brasileiro Alexandre Pantoja irá encarar o norte americano Dustin Ortiz no próximo sábado (20), em duelo válido pela divisão peso-mosca, no card preliminar do UFC 220 que acontecerá na TD Garden Arena em Boston, Massachusetts, nos Estados Unidos.

Em entrevista ao próprio UFC, o ‘tupiniquim’ de disse feliz por encarar um lutador ranqueado e explicou detalhadamente o motivo de tanta alegria.

“É uma felicidade poder lutar contra um adversário ranqueado, um Top 10, e o Dustin Ortiz está há muito tempo entre o Top 5 e o Top 10. É uma grande oportunidade para mim”, disse o brasileiro, “Apesar de ele fazer uma luta um pouco diferente da minha, ele gosta de fazer o anti-jogo, de grudar o adversário na grade e tudo mais, e eu procuro sempre lutar para frente, buscar uma luta mais aberta, mais franca. Mas vou impor meu jogo o tempo todo e espero sair com a vitória”.

Com duas vitórias em 2017, Pantoja espera que 2018 seja tão bom quanto o ano que passou e comentou sobre a categoria onde o detentor do cinturão é o norte americano Demetrious Johnson.

“Foi um bom primeiro ano, saindo vitorioso em dois combates. A primeira luta acredito que foi mais dura, contra o Eric Shelton, um atleta novo, talentoso, e também querendo buscar seu lugar na organização. Foi uma luta mais estratégica, com um pouco mais de estudo para não dar muitas brechas. Na segunda luta, peguei um veterano e foi uma boa luta para mostrar mais meu trabalho. Ele é um lutador que vai mais para frente, joga mais aberto e encaixa mais com meu jogo um estilo de luta franco, sem querer fazer o anti-jogo, dando show o tempo todo. Consegui impor meu ritmo e consegui a finalização. Foi um excelente ano, e espero que 2018 seja tão bom quanto foi 2017. Eu discordo um pouco do que alguns falam, de que a categoria não é boa. A gente tem como campeão o melhor do mundo, o melhor de todos os tempos, que é o Demetrious Johnson, que é o campeão há mais tempo com o cinturão e o único campeão do peso-mosca. Tem o Joseph Benavidez, uma lenda do UFC, um cara que tem muitas lutas desde o extinto WEC, em seguida tem o Henry Cejudo, que é um campeão olímpico, e assim vai. Tem muitos lutadores muito talentosos, que já foram campeões em outras organizações. É uma categoria muito forte e que vem se renovando a cada ano. Esse ano teve a entrada do Brandon Moreno, que participou do TUF, fez ótimas lutas, o próprio Ray Borg, que fez algumas boas lutas consecutivamente, o Matheus Nicolau também teve um ótimo ano, e eu também, que venho buscando, luta a luta, colocar meu nome mais em cima”.

Confira abaixo o card completo (sujeito a alterações) do UFC 220: Miocic vs. N’Gannou:

Card Principal:

Peso-pesado: Stipe Miocic vs. Francis N’Gannou – Pelo cinturão da categoria dos pesos pesados do UFC;
Peso-meio-pesado: Daniel Cormier vs. Volkan Oezdemir – Pelo cinturão da categoria dos pesos meio-pesados do UFC;
Peso-pena: Calvin Kattar vs. Shane Burgos;
Peso-meio-pesado: Gian Villante vs. Francimar Bodão;
Peso-galo: Thomas Almeida vs. Rob Font.
Card Preliminar:

Peso-pena: Kyle Bochniak vs. Brandon Davis;
Peso-meio-médio: Sabah Homasi vs. Abdul Razak Al-Hassan;
Peso-mosca: Dustin Ortiz vs. Alexandre Pantoja;
Peso-pena: Dan Ige vs. Julio Arce;
Peso-pena: Matt Bessette vs. Enrique Barzola;
Peso-palha: Maryna Moroz vs. Jamie Moyle;
Peso-leve: Islam Makhachev vs. Gleison Tibau.

Por Dario Ferrai

The post Alexandre Pantoja feliz em encarar lutador ranqueado appeared first on MMA Space.

Source: Space

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *