Após confusão, Polícia de Nova York está a procura de Conor McGregor

C. McGregor é procurado pela polícia de NY (Foto: Reprodução Twitter UFC)

A confusão causada por Conor McGregor no Media Day do UFC 223, nesta quinta-feira (05), teve suas consequências. Após o irlandês invadir o local e arremessar uma grade metálica contra o ônibus que levava os atletas para as entrevistas, a Polícia de Nova York expediu uma ordem de prisão contra o campeão dos leves. A informação foi revelada por Dana White, presidente do Ultimate.

Veja Também

McGregor invade Média Day do UFC 223 em busca de Khabib, ataca ônibus com lutadores e fere Chiesa

Colby Covington revela ter sofrido ameaça de morte em retorno ao Brasil

Khabib e Holloway trocam provocações e clima esquenta antes do UFC 223

“Foi a coisa mais nojenta que já aconteceu na história da companhia. Há um mandado pela prisão do Conor McGregor, eles estão atrás dele agora. O avião dele não pode decolar, ele não pode sair do estado de Nova York com este mandado. Se eles não o encontrarem, ele vai ter que se entregar. Vocês podem imaginar que ele vai ser processado além do que se imagina, e esta foi uma decisão muito ruim para a carreira dele”, disparou White, em conversa com a imprensa, nos bastidores do UFC 223, em trecho transcrito pelo site do canal Combate.

O presidente da franquia ainda relatou exatamente como McGregor, seguido de vários parceiros, invadiram área onde estavam os atletas e causaram a confusão. Dana ainda revelou que a campeã peso palha Rose Namajunas quase ficou ferida com essa confusão.

“O que aconteceu aqui hoje foi que Conor e aproximadamente 20 caras receberam acesso aparentemente pelos caras do MacLife (site oficial de Conor McGregor), que estavam credenciados. Eles abriram a porta por uma entrada, invadiram o edifício, desceram até o estacionamento de cargas onde os lutadores estavam entrando nos ônibus, e começaram o ataque, jogando latas de lixo e coisas assim. Quebraram uma das janelas e cortaram o Michael Chiesa bem feio. Ele cortou a cabeça, cortou o rosto. Rose Namajunas quase foi atingida e está muito chateada agora – ela basicamente saiu e voltou a pé para o hotel. O ataque ainda quebrou uma das juntas dos dedos de um dos nossos funcionários, e obviamente todos fiaram abalados quando 30 bandidos… Esses caras estavam todos cortando peso e se preparando para uma luta”, revelou White.

Conhecido por defender McGregor, Dana White não escondeu a irritação com a atitude do irlandês e espera que ele seja preso pela polícia de Nova York.

“Espero que eles sejam presos. Espero que os dois caras do MacLife sejam presos também. Eles têm tudo em vídeo. A polícia acabou de vir e nos contar isso. Aqueles foram os caras que deixaram ele entrar. Espero que eles sejam presos também. A polícia vai cuidar do Conor”, encerrou.

Vídeo: McGregor invade UFC 223 e ataca ônibus em busca de  Khabib Nurmagomedov

Source: Portal da Luta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *